Carnaval e excessos - Sete exageros que detonam a sua saúde.


Quem gosta de carnaval? Acho que muitos de nós não é verdade? Sendo assim, temos de conhecer os perigos que a folia trás a nossa saúde. "Tudo o que o nosso corpo perde em excesso, mesmo que seja em um determinado período, vai tentar repor depois. É uma resposta natural do organismo. Se você fica noites sem dormir, come pouco e se exercita muito, a tendência é que depois seu corpo peça nutrientes e descanso absoluto", explica o fisiologista da Unifesp, Paulo Zogaib.
      
  •      Consumo excessivo de bebida alcoólica.


Essa, sem dúvida, é a principal ameaça nos dias de carnaval, pois seu resultado pode ser a embriaguez e, posteriormente quem sabe até um acidente. Para quem não sabe, o álcool funciona como um depressor do sistema nervoso central, ou seja, ele retarda reflexos além de fazer com que o folião perca o controle de si mesmo. E, como falar da bebida alcoólica e esquecer da combinação que mais acontece entre os foliões, essa se chama de energéticos. Como todos sabemos, os energéticos são estimulantes do sistema nervoso central, totalmente o oposto do álcool, sendo assim a mistura pode causar a euforia justamente pelo aumento da adrenalina, causando por fim a desidratação da pessoa.
    
  •      Audição e som alto.


Com nossa audição exposta a volumes elevados de som, podemos ter consequências graves como por exemplo, a perda parcial da audição. Uma grande dica pra quem vai pular o carnaval é: Mantenha uma distância segura dos carros de som e usem protetores de ouvido ok?
  • .      Rouquidão.


Quando somos expostos a um nível alto de som, tendemos a aumentar juntamente nosso tom de voz ou até gritar para sermos ouvidos não é verdade? Entretanto, isso faz com que nossas cordas vocais desgastem, o resultado mais evidente disso é a rouquidão. "Quando você força demais a musculatura vocal, ela fica cansada, como qualquer outra de nosso corpo e, por isso, podem surgir edemas que deixam nossa voz rouca ou calos vocais, que fazem a rouquidão se prolongar", explica a fonoaudióloga Thays Vaiano.

Dica: Evite gritar e hidrate bastante suas cordas vocais com líquido.
    
  •     A falta de alimentação.


Com o aumento do consumo alcoólico, as pessoas esquecem da importância de uma alimentação correta para agüentar os dias de folia. Como sabemos, durante esses dias o calor é intenso e as noites perdem horas de sono, sendo assim o cardápio tem de estar repleto de líquidos e com uma alimentação balanceada de carboidratos e proteínas. Uma dica super útil é: Isotônicos podem ajudar, pois repõem água e sais minerais, porém não vão repor tudo que perdemos, sendo assim é viável água mineral ou água de coco.      

  • Exposição a luz solar.


Cair na folia debaixo desse sol e desse calor que conhecemos bem pode causar queimaduras ou uma insolação grave. Para evitar que isso aconteça os foliões devem passar protetor solar com filtro solar, sendo no mínimo o fator 15; procurar usar sempre um chapéu ou boné e depois do dia de folia deve-se usar e abusar dos cremes pós-sol.

Dica: Hidrate-se bebendo bastante água.

  •      Bolhas e calos.


Para evitar aquelas velhas bolhas e calos adquiridos com os calçados errados, adotaremos o conforto dos pés, até porque eles merecem seu momento também. Procurem usar tênis, sapatilhas, entre outros calçados super confortáveis e, se mesmo assim ocorrer à incidência de calos ou bolhas, lave bem a área lesionada com água e sabão.

Dica: Evite abafar o ferimento.

  •      Prepare bem o corpo.


Para agüentar todo o desgaste físico, temos de garantir o mínimo de condicionamento físico sendo assim, invistam nas caminhadas, bicicletas, entre outras formas de exercitar-se.

Enfim gente, espero que tenham gostado das dicas para esse carnaval. Para quem gosta da folia, aproveite mais com cuidado ok? Até a próxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
♥ Theme por Erica Pires © 2013 • Powered by Blogger • Todos os direitos reservados • Melhor Visualizado no Google Chrome • Topo