Dica de Leitura: Coroa Cruel


Norta é um reino conhecido pelo domínio dos prateados sobre os vermelhos mas, o que ninguém sabe é que o passado desse lugar é tão sangrento quanto os dias atuais. Coroa Cruel é um livro de contos situado no universo de A Rainha Vermelha, o primeiro exemplar da série escrita por Victoria Aveyard, e tem o objetivo de nos transportar para o passado de Norta através de duas grandes mulheres: uma com sangue prateado e outra com sangue vermelho. Ficou curiosa? Então não perde mais tempo, vem comigo.

Autora: Victoria Aveyard | Editora: Seguinte | Páginas: 232
*Esta resenha não contém spoiller!



Antes de começar a falar sobre Coroa Cruel, preciso destacar duas resenhas já publicadas aqui no blog: A Rainha Vermelha e Espada de Vidro, os dois primeiros livros da série escrita por Victoria Aveyard. Se você ainda não conhece Norta e seus habitantes, vale a pena dar uma lida nas duas resenhas e mergulhar nessa fantasia maravilhosa! Bom, explicações dadas, vamos ao dica de leitura do mês de maio.

Coroa Cruel é um livro composto por dois contos com protagonistas mulheres e cores de sangue diferenciadas, isso mesmo, uma é prateada e a outra vermelha. "Canção da Rainha" é o primeiro conto do livro e nele você conhecerá a prateada Coriane Jacos, uma jovem que está lutando para não ser devorada pelas intrigas da corte. Já em "Cicatrizes de Aço", o segundo conto de Coroa Cruel, você terá uma visão privilegiada da Guarda Escarlate através da vermelha Diana Farley. Como as histórias são curtinhas eu não posso me estender demais na sinopse então, partiremos para os aspectos físicos de Coroa Cruel.



Como todos os livros da série A Rainha Vermelha, Coroa Cruel conta com uma coroa em verniz localizado em sua capa, bem como o sangue prateado próximo a ela e o sangue vermelho a margem de tudo. O título do livro é em alto relevo e combina perfeitamente com o desenrolar dos contos e as consequências dos atos de cada personagem. A cor da capa também é diferente pois, essa série vai ganhando tons azulados com o avançar da história de Norta. No quesito adicionais Coroa Cruel me surpreendeu, isso mesmo, no fim do livro você encontrará um mapa de Norta e isso vai te ajudar a entender toda jornada da Guarda Escarlate e as conversas entre os oficiais da mesma. Como Coroa Cruel fica exatamente entre os livros A Rainha Vermelha e Espada de Vidro, você também terá acesso aos primeiros capítulos de Espada de Vidro.

"Não é mentira. Todos temos nossas cicatrizes e assombrações. Algumas nos levaram até a Guarda Escalate, e outras vieram por causa dela. Conheço a dor de ambas".



Eu estou ficando ainda mais apaixonada pela escrita da Victoria Aveyard, pela forma como ela descreve seus personagens e como suas protagonistas são guerreiras, tanto no sentido literal como figurativo da palavra. Já quero ler o terceiro livro da série, A Prisão do Rei, e trazer para você a resenha completa. Coroa Cruel estava na minha meta de leitura para esse ano e eu dei 4 estrelas a ele no Skoob. Me conta, você já leu algum livro da série A Rainha Vermelha? Qual o seu favorito até agora? Beijos e até a próxima :*

Compartilhe essa postagem nas redes sociais.
Comentários
3 Comentários

3 comentários :

  1. Suas fotos ficaram tão apaixonantes que a gente se encanta pelo livro! Ainda não tinha ouvido falar dele, mas gostei da premissa!

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  2. nossa, se o livro tem um mapa já me ganha, hahaha eu adoro esse tipo de historia de reinos etc,mt bacana sua indicação

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir

Olá, meu nome é Ízis Miranda, sou pernambucana e tenho 25 anos. Especialista em Educação Física Escolar, maquiadora e colecionadora de sonhos. Apaixonada por fotografia, moda, maquiagem, filmes, literatura, chocolate, basquete, dança e esmaltes! Autora do Vidro Colorido, meu diário virtual sobre o universo feminino.

Facebook

Youtube

Postagens populares

Arquivos

Publicidade

Tecnologia do Blogger.
 
Todos os direitos reservados 2016 - 2017 | Design E Programação: Espalhando Bonitezas